Já Assistimos: O Que Terá Acontecido a Baby Jane? (1962)

    


    Jane Hudson é uma atriz que fez muito sucesso durante a infância, mas que agora, na fase adulta, vive na sombra da sua irmã Blanche, também atriz desde criança, mas que só atingiu a fama anos mais tarde. Após um acidente misterioso deixar Blanche paraplégica e sob os cuidados de Jane, a relação das duas vai de mal a pior, culminando em uma teia de atrocidades, indo até uma situação de vida ou morte.



** ANÁLISE COM SPOILERS **



    O Que Terá Acontecido a Baby Jane?, ou What Ever Happened to Baby Jane? no original, é um filme de horror psicológico e suspense americano, dirigido por Robert Aldrich que foi lançado em 1962, sendo este uma adaptação do romance homônimo escrito por Henry Farrell.

    Nele acompanhamos a louca relação entre as duas irmãs Jane e Blanche Hudson, vividas por Bette Davis e Joan Crawford, respectivamente, que por conta da inveja que a primeira sente de sua irmã estar recebendo todos os holofotes, passa a mantê-la em cativeiro na casa onde as duas vivem juntas depois de Blanche sofrer o acidente de carro que a deixou paraplégica.

    Após assistirmos a esse obra-prima, Amanda e eu fomos pesquisar mais sobre a produção e bastidores para deixar esta resenha que você está lendo, caro leitor, mais completa e interessante e devo dizer que a pesquisa gerou frutos, pois trazemos alguns fatos bem curiosos.

    A história vivida pela personagem homônima é muito semelhante à realidade das atrizes principais. Ambas estavam passando por situações complicadas em suas carreiras. Por terem atingido uma idade mais avançada, os produtores de Hollywood pararam de chamá-las para estrelarem filmes por não serem mais os "rostinhos bonitos e atraentes" que costumavam ser anteriormente, optando por contratar as atrizes mais jovens em ascensão.
 

   Outra semelhança é o fato de que Davis e Crawford eram inimigas assumidas publicamente. As duas viviam soltando farpas sobre a outra em declarações à imprensa, sempre tentando denegrir a imagem e contestar o caráter da concorrente. Inclusive numa das cenas mais tensas do longa, quando Jane agride a sua irmã chutando-a, Davis realmente acertou a cabeça de Crawford, que teve de ser levada para a enfermaria para levar pontos. Já a intérprete da irmã psicótica afirmava calmamente que mal havia tocado a "colega".

    Falando agora sobre o filme, devo dizer que fiquei tenso do início ao fim graças à ambientação criada e o fato de que mais da metade do filme se passa num único cenário, a casa das Hudson, o que dá uma forte sensação de claustrofobia. O fato da narrativa apresentar poucos personagens também faz com que não tenhamos sub-tramas, então toda nossa atenção é depositada na relação entre as duas e não demora para que nos seja apresentado o lado vil e cruel da personagem título.


    Uma das coisas que mais gostei foi o plot-twist (uma revelação inesperada numa história) do final, onde ficamos sabendo que não foi Jane que causou o acidente de sua irmã, diferentemente do que fomos levados a acreditar durante todo o longa. A responsável foi a própria Blanche que estava tentando assassinar a sua irmã, porém seu plano dá errado e ela acaba sofrendo as consequências físicas disso tudo. Em outras palavras, a personagem a qual somos levados a simpatizar e torcer para durante todo o filme também não é uma boa pessoa e é, até certo ponto, responsável por tudo de ruim que estamos assistindo.

    A loucura da personagem Baby Jane é mostrada aos poucos e vai gradualmente crescendo, sendo interpretada de forma magistral por Bette Davis que nos convence ter algum tipo de distúrbio psicológico que a faz perder o entendimento sobre algumas de suas próprias ações e não entender a seriedade do que está ocorrendo.

    O Que Terá Acontecido a Baby Jane? também é considerado a obra responsável pela criação do Hagsploitation (uma mistura das palavras hag - termo pejorativo para chamar uma mulher de velha e feia - e exploitaiton, que significa "exploração"), um subgênero do horror que foi uma febre durante os anos 1960 e início dos anos 1970.

    Este é certamente, caro leitor, um dos clássicos definitivos do cinema que sempre irá superar o teste do tempo.



Plataforma onde assistimos: Google Filmes



Nota do Cinema a Dois: Excelente



Confira o trailer:







    Por aqui o filme agradou muito e foi aprovado pelo casal! E aí, já assistiu a O Que Terá Acontecido a Baby Jane? Conta aqui embaixo a sua opinião!

Comentários

Postagens mais visitadas